Carta de Princípios

  1. Defender os sistemas políticos que se baseiam na representação pelo voto e no respeito aos direitos do cidadão.
  2. Defender a propriedade privada, a liberdade de mercado e a livre iniciativa empresarial.
  3. Ter sempre presente o papel que cabe à iniciativa privada e à propaganda em particular, no conjunto da economia, como fatores primordiais de estímulo ao consumo e à ascensão social das pessoas.
  4. Sem jamais faltar à verdade, ajudar as pessoas a se sentirem mais felizes, através da posse ou uso de bens e serviços que dão mais segurança, conforto e prazer às nossas vidas.
  5. Respeitar a Constituição, assim como os usos, costumes e os valores éticos e morais da sociedade.
  6. Reconhecer e valorizar a diversidade étnica e cultural do povo brasileiro, evitando o uso de imagens e estereótipos ofensivos às minorias.
  7. Estimular a participação das empresas na vida pública e nos assuntos comunitários. Acima de tudo refletir o conceito de cidadania que deve prevalecer nas empresas.
  8. Defender a igualdade de oportunidades para todos.
  9. Defender o respeito ao cidadão, a liberdade de expressão e a ética nas relações.
  10. Preservar e promover nossos valores e tradições, defendendo os princípios da sociedade e da família.