Você está aqui

ESPM Social São Paulo

espm social

“Competência no marketing, consciência na cidadania" é o slogan locomotor da agência experimental ESPM Social, proveniente da faculdade homônima. Nela os estudantes de todos os cursos da faculdade podem provar da real responsabilidade do mundo dos negócios e comunicação, além de participar de trabalho sociais.

Nascida no ano de 2000, a agência funciona, basicamente, como uma empresa. Organizada em equipes de Recursos Humanos e Administrativo Financeiros, Relacionamento Institucional, Projetos, Comunicação e Consultorias de Marketing, a ESPM Social trabalha com o terceiro setor. Além disso, há os projetos únicos: Bem da Moda, ESPM +Sustentável, Geração de Renda, Profissão Social e Prêmio Renato Castelo Branco. Mas o que faz cada setor? Como a agência ajuda ONGs?

Não é um trabalho simples. Primeiramente, os alunos participantes são divididos em grupos de quatro integrantes para realizarem consultorias de marketing para ONGs. Esse é o primeiro encargo de integrante. Durante um semestre, eles se concentram em avaliar os ambientes internos e externos de determinada organização, a fim de criarem um plano de ação para a melhoria da instituição em foco.

É no segundo semestre que os integrantes partem para as equipes. A escolha destas é feita a partir das preferências do indivíduo, juntamente a um processo de sucessão realizado internamente. Cada equipe é gerenciada por um gestor ou coordenador, que também é um aluno da faculdade.

A equipe de RH e Adm. Financeiro tem a responsabilidade de gerenciar o relacionamento interno com as ONGs e os gastos da agência. Eventos como o Processo Seletivo de entrada da ESPM Social, realização de feedback dos candidatos aprovados ou não e até organização da viagem de integração são os encargos desta equipe.

Enquanto isso, a equipe de Relacionamento Institucional cuida dos negócios externos da entidade. A seleção das ONGs que receberão consultorias, a feira "Criativistas Sociais" e o processo de feedback das organizações participantes dos semestres anteriores fazem parte das tarefas realizadas por essa equipe.

Quem cuida dos aclamados eventos da ESPM Social, tais como Doação de Sangue e Trote Solidário é a equipe de Projetos. É o núcleo da agência que tem a responsabilidade de tirar os eventos do papel e torná-los realidade. Isso envolve selecionar as ONGs beneficiadas, buscar parcerias, criar briefings para a equipe de Comunicação efetuar a divulgação e preparar os mínimos detalhes que tornam a maioria dos eventos da Social atrativos para os alunos e para os beneficiários.

Atuando na mesma sala que a equipe de Projetos, na sede da Social, o Castelinho, fica a equipe de Comunicação. Após receber os briefings, o dever da equipe é criar formas de divulgação dos eventos. Isso envolve a criação de uma identidade visual, vídeos, campanhas, modelos para as postagens do Facebook e para a divulgação nos perfis dos integrantes da entidade. Além disso, essa equipe conta com a Assessoria de Imprensa, a qual tem o dever de cobrir os eventos com fotografias, divulgar a Social nas redes sociais, cuidar das reservas de câmeras para os projetos, vídeos e quaisquer outro tipo de gravação, além de entrar em contato com o marketing e a assessoria de imprensa da faculdade.

Há também os eventos singulares realizados pela ESPM Social. Esses eventos são gerenciados por um coordenador aluno e por um diretor professor.

O Bem da Moda é um evento bienal e tem como objetivo principal a arrecadação de fundos para o GRACC (Grupo de Apoio ao Adolescente e a Criança com Câncer). Há três fases: o brechó, o bazar e o leilão. O primeiro e o segundo consistem em vender roupas doadas usadas ou vindas de marcas colaboradores, como uma ponta de estoque. Já o terceiro leiloa experiências que vão desde um jantar com celebridades até itens raros como camisetas de futebol assinadas por times. É um projeto social que transforma as doações em dinheiro, ao invés de pedi-lo.

Outro evento singular é o Prêmio Renato Castelo Branco. É responsável por premiar campanhas e propagandas sustentáveis. Há uma busca e uma triagem em possíveis candidatos, seguidos pela organização da premiação.

A Semana + Sustentável é um evento muito importante para faculdade e para os seus alunos. Apelidados de +Sust, a equipe trabalha na criação debates, workshops e oficinas que visam aproximar o aluno da ESPM à sustentabilidade. É o projeto que tende a formar profissionais com um viés que se importa com o meio ambiente, desmitificando as falácias de que os comunicadores de hoje em dia vivem de uma falsa persuasão e alienação.

O mais novo projeto da ESPM Social se chama Geração de Renda. Nele, os integrantes prestam consultoria à uma comunidade de São Paulo, com a finalidade de explorar pontos de estrangulamento do local e promover uma melhoria na qualidade de vida daquele ambiente. Outro projeto piloto é o Profissão Social, o qual eleva os alunos participantes ao ramo acadêmico da comunicação e os dá a oportunidade de regerem aulas aos beneficiários da ONG CTC Digital.

Por fim, a ESPM Social abrange todos os cursos da universidade. É a agência experimental que se encaixa nos horários da grade nova, uma vez que exige a contribuição dos integrantes três vezes por semana. Sendo assim, é possível arranjar mais flexibilidade para cumprir os trabalhos da faculdade. Além disso, desenvolve um excelente reportório aos estudantes participantes. É a oportunidade única deles se engajarem às mais diversas causas sociais e, ao mesmo tempo, experimentarem os ramos da comunicação, contribuindo efetivamente com os seus currículos e portfólios.

Para participar é preciso inscrever-se no Processo Seletivo que acontece todos os semestres. Tal processo conta com três fases: prova escrita, dinâmicas em grupo e entrevista. É muito parecido com o procedimento de ingresso de profissionais em grandes empresas.

Apesar de ser uma experiência muito importante na formação dos alunos, o integrante Social não se preocupa apenas com as linhas a mais em seu currículo, mas com o futuro da humanidade.

Saiba um pouco mais sobre o projeto de consultorias da ESPM Social