Você está aqui

perfil do aluno

O PMDGI objetiva formar pesquisadores e docentes com uma reflexão científica e crítica em Gestão Internacional, em seus aspectos fundamentais, representados nas três linhas de pesquisa, Estratégia, Inovação e Marketing no ambiente internacional.

O perfil do egresso planejado pelo PMDGI envolve o desenvolvimento de competências nos requisitos: (1) capacidades; (2) conhecimentos; e (3) atitudes. As capacidades, conhecimentos e atitudes que o PMDGI busca desenvolver são:

– capacidade de: 

a) analisar criticamente situações complexas do ambiente global sob uma perspectiva local;

b) desenvolver atividade científica em alto nível, redigindo, publicando e comunicando resultados de pesquisa em eventos e periódicos qualificados;

c) exercer a docência no ensino superior de Administração, para seus diversos públicos;

d) contribuir com teorias e práticas de gerenciamento de empresas internacionalizadas; e) contribuir com o desenvolvimento local e global em bases sustentáveis e socialmente inclusivas;

– conhecimentos relacionados: 

a) métodos qualitativos e quantitativos de pesquisa avançada;

b) estudos de teorias organizacionais;

c) produção de conhecimento por meio de pesquisa científica acadêmica nas áreas de Estratégia Internacional e Marketing Internacional;

d) posicionamento do Brasil como um país emergente e a internacionalização de suas empresas;

– atitudes esperadas: 

a) curiosidade investigativa orientada para o estabelecimento de relações, sistematização de fatores e busca por resultados emergentes;

b) atitude sistematizadora dos conhecimentos existentes em sua área, visando ao avanço do conhecimento científico;

c) atitude crítica em relação ao conhecimento estabelecido, procurando evidências empíricas e teorias com a finalidade de promover o avanço do conhecimento em sua área;

d) sensibilidade para os problemas brasileiros, nas dimensões econômica, social, ambiental e científica, buscando estudos e pesquisas que colaborem para a melhor inserção do país no âmbito internacional;

e) senso de aplicação do conhecimento produzido, buscando o uso dos resultados dos estudos e pesquisas na solução de problemas efetivos de empresas brasileiras ou de empresas multinacionais atuantes no Brasil;

f) caráter ético de honestidade científica na produção e na aplicação do conhecimento.